JUIZ SÉRGIO MORO X BLOGUEIRO EDUARDO GUIMARÃES - POR JANIO DE FREITAS


O blogueiro Eduardo Guimarães não tinha obrigação e talvez nem tivesse meios de saber que Moro considerava sigilosa a sua ordem de detenção de Lula, naquele tal "depoimento coercitivo". 

Teve a informação e divulgou-a, sem razão alguma para fazer dela um segredo. 

Fez um vazamento. Prática jamais condenada, sequer criticada, por Moro. 

A detenção de Guimarães, o arresto de seu equipamento e a coerção para dar o nome do informante foram arbitrariedades em hora apropriada: o projeto do Senado contra abuso de autoridade deve ser votado dentro de duas semanas. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário