FIM DE GOVERNO - PHS DEIXA BASE DE APOIO A MICHEL TEMER



COM A SAÍDA DO PHS, O GOVERNO QUE AINDA OCUPA O PLANALTO PERDE SEIS VOTOS, VISTO QUE UM DOS DEPUTADOS DO PARTIDO, ASSUMIU DISSIDÊNCIA EM RELAÇÃO AO QUE A CÚPULA PARTIDÁRIA TOMOU COMO DECISÃO.

BASE ESFARELANDO

O líder do Partido Humanista da Solidariedade (PHS) na Câmara, Diego Garcia (PR), anunciou há pouco em plenário o desembarque da base aliada do governo Michel Temer. O partido tem sete deputados e é o quarto a abandonar o governo – PSB, PPS e Podemos (ex-PTN), o primeiro a romper com o Planalto, já haviam decidido pela debandada.

LEIA TRECHO DO DISCUSO DO LÍDER DO PHS NA CÂMARA

“Iremos adotar a partir deste momento a postura de independência aqui na Casa. Votaremos aquilo que entendemos ser importante para o país. Também não vamos ter uma atitude irresponsável contra milhares e milhares de brasileiros. Mas não vamos concordar e compactuar com os desmandos que estão acontecendo neste momento, de forma que venha a envergonhar a nossa nação”, acrescentou o deputado.

Com informações do CONGRESSO EM FOCO




Nenhum comentário:

Postar um comentário